Compartilhe o nosso portal

Share on twitter
Share on facebook
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email

São Luís (MA), 12 de setembro de 2021

Datafolha: Lula lidera sucessão de 2022. PoderData tem números divergentes

De acordo com outra pesquisa, do PoderData, Bolsonaro e Lula empatam no 1º turno, mas o ex-presidente vence 2º turno
Bolsonaro perde fôlego na corrida sucessória...
Share on twitter
Share on facebook
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email

De acordo com outra pesquisa, do PoderData, Bolsonaro e Lula empatam no 1º turno, mas o ex-presidente vence 2º turno

A primeira pesquisa divulgada pelo instituto Datafolha, em 12 de maio, aponta que o ex-presidente Lula (PT) lidera a disputa de 2022 com 41% das intenções de voto. Em segundo lugar aparece o presidente Jair Bolsonaro (Sem partido) com 23%. Esta é a primeira vez que Lula aparece à frente de Bolsonaro. Nas demais sondagens, os dois aparecem tecnicamente empatados.

Em terceiro lugar, considerando a margem de erro de dois pontos percentuais para mais ou para menos, aparecem quatro candidatos tecnicamente empatados. O ex-ministro Sergio Moro (Sem partido) tem 7%. O ex-ministro Ciro Gomes (PDT) aparece com 6%. O apresentador da TV Globo, Luciano Huck (Sem partido), registra 4%. E o governador de São Paulo (SP), João Doria (PSDB), tem 3%.

O ex-ministro Luiz Henrique Mandetta (DEM) tem 2%, mesmo percentual registrado por João Amoêdo (Novo). Brancos, nulos e indecisos somam 13%. De acordo com o Datafolha, Jair Bolsonaro é o mais rejeitado (54%). Em seguida aparecem Lula (36%), Doria (30%), Huck (29%), Moro (26%), Ciro (24%), Mandetta (17%) e Amoêdo (16%).

Nas simulações de segundo turno, Lula venceria Bolsonaro (55% a 32%), Moro (53% a 33%) e Doria (57% a 21%). Bolsonaro também seria derrotado por Ciro (48% a 36%) e empataria tecnicamente com Doria (40% a 39% em favor do governador de SP).

PoderData

Por outro lado, a nova rodada do PoderData sobre a sucessão de 2022 mostra um cenário de empate técnico entre o presidente Jair Bolsonaro (Sem partido) e o ex-presidente Lula (PT). Ambos aparecem com 32% das intenções de voto, mesmo cenário mostrado no levantamento anterior (12 a 14 de abril).

Na terceira posição cinco nomes aparecem tecnicamente empatado. O ex-ministro Ciro Gomes (PDT) tem 6% das intenções de voto. João Amoêdo (Novo) aparece com 5%. O apresentador da TV Globo, Luciano Huck (Sem partido), o governador de São Paulo (SP), João Doria (PSDB), e o ex-ministro Sergio Moro (Sem partido) registram 4% das intenções de voto.

O ex-ministro Luiz Henrique Mandetta (DEM) tem 3%. Brancos, nulos e indecisos somam 10%.

Vale registrar que as intenções de voto de Bolsonaro e Lula no PoderData são diferentes do cenário mostrado pelo Datafolha. Essa diferença pode ser explicada pela diferença de metodologia. Enquanto o PoderData realizada as entrevistas via telefone, o levantamento do Datafolha foi presencial.

2º turno

Nas simulações de segundo turno, os números do PoderData são parecidos com o Datafolha. O presidente Jair Bolsonaro seria derrotado por Lula (50% a 35%) e Huck (46% a 38%). Bolsonaro aparece tecnicamente empatado com Ciro (41% a 38% em favor do presidente), Moro (38% a 37%) Mandetta (40% a 37%).

Hoje, Jair Bolsonaro venceria apenas João Doria (42% a 32%), o que sugere um segundo turno difícil para o presidente.

Chama atenção o fato de num hipotético cenário entre Lula x Huck, a simulação mostrar 37% a 33% em favor do ex-presidente. Ou seja, os dois aparecem tecnicamente empatados no limite da margem de erro (dois pontos percentuais para mais ou para menos). (Reprodução de O Brasilianista)

Veja também:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *