Compartilhe o nosso portal

Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

São Luís (MA), 27 de novembro de 2020

Coleção de itens de Senna avaliada em R$ 1,8 milhão é recuperada após roubo na Itália

Colecionador Claudio Giovannone descobriu o furto quando retornou a sua casa de veraneio em Isola d´Asti após o período de isolamento em função da pandemia de covid Por GloboEsporte.com
Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Um colecionador famoso de itens de Ayrton Senna levou um baita susto quando descobriu que seus itens, avaliados em 300 mil euros (R$ 1,8 milhão), haviam sido furtados de sua casa de veraneio em Isola d´Asti, na Itália, segundo o jornal italiano “La Gazzetta dello Sport”.

Por sorte, após denúncias dos vizinhos de que um carro vermelho ficou rondando a área, a polícia encontrou e prendeu os suspeitos do roubo perto de Turim e conseguiu recuperar as peças.

Além dos itens terem sido recuperados, a polícia colocou a dupla de suspeitos em prisão preventiva enquanto aguardam julgamento e investigação é realizada.

Dono dos itens, Claudio Giovannone é um grande fã do tricampeão de F1 e coleciona vários itens do piloto, como capacetes, macacões, bandeiras autografadas e até miniaturas. O italiano chegou a fazer exposições para arrecadar dinheiro para instituições de caridade usando o seu acervo.

Veja também:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *